Portal NN1

Últimas

Ciro concentra críticas a Bolsonaro e diz que não tem mágoas do PT Foto: Reprodução internet

Ciro concentra críticas a Bolsonaro e diz que não tem mágoas do PT

No último dia da campanha eleitoral, o candidato do PDT ao Palácio do Planalto, Ciro Gomes (PDT), disse que não guarda mágoas do PT e lamentou que a marca da disputa presidencial tenha sido a "confrontação odienta". Em carreata em Fortaleza, neste sábado (06/10), ele disse que o país ainda tem tempo de achar o caminho do equilíbrio, desarmar uma bomba e "permitir que o Brasil se proteja do salto no abismo do fascismo".

"Mágoa? Que negócio de mágoa?", afirmou ao ser perguntado sobre a relação com os petistas.

Para ele, o candidato do PSL, Jair Bolsonaro, líder nas pesquisas eleitorais, é despreparado e não tem humanidade. "É além de despreparado, porque não administrou nem um botequim dos pequenos. Ele não tem humanidade e representa a segregação, o preconceito e a violência", disse.

O candidato afirmou ainda que Bolsonaro "representa tudo de atrasado que, no passado, deu no flagelo nazifascista que matou mais de 50 milhões de pessoas no mundo, que foi o Hitler e o Mussolini". Caso seja eleito presidente, Ciro disse que sua primeira medida será "desratizar o Palácio do Planalto" e compor uma equipe ministerial acabando com a "roubalheira".

"Eu vou unir a família brasileira. Não vou fazer entendimento politiqueiro ou lotear os ministérios", disse.

 

Da redação com Folha

Compartilhe essa notícia
  • whatsapp

Últimas