Portal NN1

Últimas

Cruzeiro perde para o Boca Juniors com erro de árbitro Crédito:reprodução internet

Cruzeiro perde para o Boca Juniors com erro de árbitro

O time do Boca Juniors saiu em vantagem nas quartas de final da Taça Libertadores. Jogando na Bombonera nesta quarta-feira (19/09), os xeneizes contaram com uma noite inspirada de Pablo Pérez que fez gol e deu assistência e com mais um erro grave de arbitragem para superar o Cruzeiro por 2 a 0.

Na partida de volta, marcada para o dia  4 de outubro no Estádio Mineirão, o time do técnico Mano Menezes precisa devolver o placar de 2 a zero para levar a decisão para os pênaltis. Para se classificar no tempo normal, a equipe alvi-azulina terá que vencer por três gols de diferença. Os argentinos jogarão até por uma derrota por um gol para avançar na competição.

O lance contestado pelo time de Mano ocorreu aos 24 minutos do segundo tempo quando Dedé recebeu cartão vermelho depois de um choque acidental de cabeça com cabeça entre o zagueiro e o goleiro Andrada.

Andrada recebeu atendimento médico no gramado, já que, além do impacto, havia sangue na boca do goleiro. O árbitro Eber Aquino, paraguaio, foi ao VAR para rever a jogada, viu várias vezes e, para a surpresa de todos, mostrou cartão vermelho para Dedé.

Aos 36 minutos, Pablo Pérez aproveitou um rebote da defesa e marcou o segundo gol do time argentino, terminando a partida com 2 a 0 para o Boca Juniors.  O outro representante brasileiro, Palmeiras, joga nesta quinta (20/09) diante do Colo-Colo no Chile.

 

 

 

Da redação com GE.

 

 

Compartilhe essa notícia
  • whatsapp

Últimas