Portal NN1

Últimas

Eleições do Sinteal acontecem nesta terça e quarta Foto: Jânio Barbosa

Eleições do Sinteal acontecem nesta terça e quarta

Nesta terça-feira (09/10) e também na quarta-feira (10/10), acontecem as eleições regional e estadual do Sinteal (Sindicato dos Trabalhadores da Educação de Alagoas). Os locais de votação em Arapiraca são: a sede do Sinteal na praça Antônio Ribeiro, 16-Centro e Escola Adriano Jorge na avenida Rio Branco, 250-Centro. Podem votar os professores que são filiados ao sindicato. O horário de votação é das 8 às 21h.

Cerca de 2.200 eleitores da sede regional Arapiraca estão aptos a votarem nas eleições que irão escolher os representantes dos próximos quatro anos da instituição.

O professor André Silva, candidato ao cargo de vice-presidente da chapa 01, falou das propostas do seu grupo. “Estamos convocando todos os companheiros da educação filiados ao sindicado para vim fazer sua parte, usar a democracia e escolher seu representante. O ponto principal da chapa é a descentralização da questão jurídica, já que ela é centralizada na estadual, e é um dos pontos de grande reclamação por parte dos filiados. Outra proposta é a realização de uma grande campanha de filiação para este sindicado. Temos que estar mais que unidos, para termos um sindicado forte e uma base muito mais forte ainda”.

O candidato da chapa 02, professor Inaldo Valões, também falou de suas propostas. “Tivemos o interesse de concorrer como uma chapa alternativa a atual gestão, porque a ideia é reconstruir o Sinteal, reconstruir esse sindicato. Há um processo de desmobilização dos professores e funcionários de educação, que foram escanteados por gestões anteriores. Hoje temos poucos sindicalizados, um número muito aquém do que precisamos para fazer grandes mobilizações e resgatar o papel da educação, e a centralidade da importância da educação em um processo democrático em um de desenvolvimento nacional. Não dá pra ficar como está, com tanta desvalorização de quem está na área”.

Jorge Harrison, presidente da Comissão Regional do Sinteal falou que pode acontecer de uma pessoa sindicalizada não ter seu nome na lista de votação, isso acontece pois, às vezes o município ou o estado não repassa o valor que foi descontado do professor. Nesses casos, basta que o eleitor leve seu contracheque e poderá votar, normalmente.

 

 

Da redação com reportagem de Jânio Barbosa

Compartilhe essa notícia
  • whatsapp

Últimas