Portal NN1

Últimas

Operação policial apreende material de campanha no comitê de Renan Filho e sede do PT Sede do comitê do candidato a reeleição, governador Renan Filho, é alvo de operação policial (Foto: Everton Luís)

Operação policial apreende material de campanha no comitê de Renan Filho e sede do PT

A Polícia Civil deflagrou na tarde desta quinta-feira (04/10), uma operação na sede do comitê de campanha do governador Renan Filho (MDB) na avenida Marechal Deodoro, bairro Ouro Preto, e em outros 2 endereços na cidade de Arapiraca. O objetivo é o recolhimento de propaganda eleitoral irregular que estaria sendo distribuída pela coligação Avança Mais Alagoas. O mandado de busca e apreensão foi emitido pelo juiz eleitoral de Arapiraca, Dr Giovanni Jatubá.

Cinco viaturas e 14 agentes da Polícia Civil, sob comando do delegado regional Dr. Igor Diego, recolheram do comitê 4 pacotes de santinhos e adesivos com propaganda irregular assinalando o ex-presidente Lula como candidato à Presidência da República. A candidatura de Lula foi indeferida pelo TSE em 31 de agosto e substituída pela do ex-prefeito de São Paulo, Fernando Haddad. A justiça determinou na época da impugnação que o PT não poderia utilizar o nome do ex-presidente como candidato.

Além da sede da coligação do governador Renan Filho, a sede do PT em Arapiraca e a residência do candidato a deputado estadual Genivaldo da FETAG (PT) estão sendo alvo da operação. A nota distribuída pela justiça eleitoral afirma que o candidato estaria distribuindo esses santinhos em sua campanha, o que fere a lei.

O portal NN1 entrou em contato com o candidato, mas ele afirmou que está em campanha no sertão do estado e só vai falar a respeito da operação quando retornar à Arapiraca. Não há mandado contra Genivaldo ou outro político da coligação Avança Mais Alagoas, somente a ordem de busca e apreensão do material que está sendo levado para a Central de Polícia no bairro Baixão.

 

Da redação com informações de Everton Luís

Compartilhe essa notícia
  • whatsapp

Últimas