30.6 C
Arapiraca
Quinta-feira, 25 Abril, 2024

A partir desta quarta-feira, Sesau promove ações itinerantes de combate ao mosquito transmissor da dengue em todo Estado

A Secretaria de Estado da Saúde (Sesau), em parceria com o Ministério da Saúde (MS) e os municípios alagoanos, inicia, nesta quarta-feira (3), uma série de ações educativas itinerantes, com foco na conscientização da população para combater a dengue. A iniciativa, que vai contar com a distribuição de filipetas e a fixação de cartazes em pontos estratégicos, tem como objetivo evidenciar as medidas preventivas para eliminar os focos do mosquito Aedes aegypti, transmissor da doença.

As atividades seguem um cronograma elaborado pela Secretaria Executiva de Vigilância em Saúde, e vão ocorrer em diversos bairros da capital alagoana e em municípios estratégicos do interior do Estado. Em Maceió, as atividades acontecerão nos bairros Benedito Bentes, Salvador Lyra, Graciliano Ramos, Santa Lúcia, Jardim Petrópolis, Eustáquio Gomes, José Tenório, Barro Duro, Poço, Jaraguá, Trapiche, Ponta Grossa e Jacintinho. Já no interior, serão contemplados os municípios de Atalaia, Maragogi, Belém, Maravilha, Santana do Ipanema, Carneiros, Olho d’Água das Flores, União dos Palmares, São José da Laje, Colônia Leopoldina e Joaquim Gomes.

O secretário de Estado da Saúde, médico Gustavo Pontes de Miranda, destaca que as ações itinerantes visam mobilizar a população para que não relaxe nas medidas preventivas de combate ao vetor da dengue. O gestor da saúde estadual salienta, ainda, que a iniciativa vai conclamar a população alagoana para que dedique apenas dez minutos semanalmente para interromper o ciclo de vida do Aedes aegypti, conforme recomenda o MS, com base em uma cartilha produzida pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz).

“É necessário eliminar os focos do mosquito. Precisamos colocar areia nos vasos de plantas, manter as caixas d’água fechadas, limpar as calhas, não acumular entulhos e sucatas, fechar bem os sacos de lixo, guardar os pneus em locais cobertos, bem como, receber bem o agentes de endemias municipais, que verificam se há focos do Aedes aegypti, evitando que ele se prolifere”, orientou.

Durante a Campanha de Combate à Dengue, a Sesau também vai capacitar, por meio da Gerência Estadual de Vigilância e Controle de Doenças Transmissíveis, os servidores das Secretarias Municipais de Saúde (SMSs), além de acompanhar a situação epidemiológica em todas as cidades do Estado, com um canal de diálogo aberto e permanente. Uma das capacitações ocorreu em março, quando médicos e enfermeiros foram treinados sobre o manejo clínico dos pacientes acometidos por dengue, visando o diagnóstico da doença em tempo oportuno, evitando desta forma o agravamento do quadro clínico, que pode levar à internação e à morte.

Cronograma das Ações de Combate à Dengue

MACEIÓ  

Quarta-Feira (3)

Benedito Bentes

Quinta-Feira (4)

José Tenório

Segunda-Feira (8):

Barro Duro

Terça-Feira (9):

Trapiche

Quarta-Feira (10):

Cambona

Quinta-Feira (11):

Centro

Sexta-Feira (12):

Feitosa

Segunda-Feira (15):

Jacintinho

Terça-Feira (16):

Farol / Rotary

Quarta-Feira (17):

Poço

Quinta-Feira (18):

Murilópilis / Gruta

INTERIOR

Quarta-Feira (3):

Atalaia

Quinta-Feira (4):

Maragogi

Segunda-Feira (8):

Belém

Terça-Feira (9):

Maravilha

Quarta-Feira (10):

Santana do Ipanema

Quinta-Feira (11):

Carneiros

Sexta-Feira (12):

Olho D’agua das Flores

Segunda-Feira (15):

União dos Palmeiros

Terça-Feira (16):

São José da Lage

Quarta-Feira (17):

Colônia de Leopoldina

Quinta-Feira (18):

Joaquim Gomes