sexta-feira, 12 agosto, 2022
HomeAlagoasAcusados de matar brutalmente homem que teria entregue um deles à polícia...

Acusados de matar brutalmente homem que teria entregue um deles à polícia em Campo Alegre são presos

Um dos presos e a vítima já haviam matado uma pessoa a pauladas no centro do município

Policiais civis do 75º Distrito Policial de Campo Alegre (75ºDP), sob o comando do delegado Alexandre César, prenderam dois homens acusados do assassinato de Cícero Alves dos Santos, no dia 14 de maio de 2020 (14/05/20). Um dos presos e a vítima teriam matado José Alexandre de Paiva, de 32 anos, no dia 10 de março de 2020 (10/03/20), em Campo Alegre, Agreste de Alagoas. A motivação do assassinato seria porque Cícero entregou o comparsa no primeiro crime.

De acordo com a polícia, José Alexandre foi morto a pauladas e pedradas, no Centro da cidade. Segundo informações do chefe de operações policiais do 75ºDP, agente José Mariano, a motivação do crime teria sido por uma rixa antiga entre a vítima e os acusados.

No mesmo dia do homicídio, a equipe do 75ºDP conseguiu prender Cícero Alves dos Santos, que ao chegar na delegacia confessou o crime e relatou que outra pessoa também tinha participado da ação criminosa. De imediato os agentes iniciaram uma busca na cidade e prenderam o segundo suspeito, um homem de 35 anos, que também confessou ter matado José Alexandre.

Os dois foram autuados em flagrante delito. Porém, dias depois de saírem da prisão, um dos condenados começou a planejar a morte do seu parceiro de crime por ter entregue ele à polícia.

No dia 14 de maio de 2020 (14/05/20), com a ajuda de outro homem conseguiu atrair Cícero para uma emboscada, o levando para um rio próximo a cidade de Campo Alegre, onde o mataram, cortando seu abdômen e depois o amarram em uma corda com uma pedra e jogaram no rio, com o intuito de ocultar o cadáver.  O crime chamou a atenção da população pelo meio cruel de como foi praticado.

spot_img

ÚLTIMAS NOTÍCIAS