31.5 C
Arapiraca
Quarta-feira, 24 Abril, 2024

Após ataque terrorista , xenofobia contra imigrantes da Ásia Central cresce na Rússia

Uma semana após o ataque terrorista ao Crocus City Hall, autoridades russas iniciaram deportações de imigrantes da Ásia Central, ligadas ao atentado. Pelo menos quatro detidos são do Tajiquistão, e atos de xenofobia se multiplicam na Rússia. A ONG Primeiro Departamento relatou a deportação de 64 pessoas do aeroporto Pulkovo, em São Petersburgo, desde quinta-feira. Operações semelhantes foram registradas em outras cidades russas, sem destino revelado. Em Blagoveshchensk, um galpão de imigrantes foi incendiado, e em Kaluga, tajiques foram espancados. Motoristas de táxi relatam cancelamentos de corridas por nacionalidade.

Muitos imigrantes tajiques desejam retornar ao seu país, apesar das dificuldades econômicas. No entanto, aqueles que obtiveram cidadania russa preferem permanecer, mesmo diante das adversidades. Um possível êxodo teria impactos catastróficos no Tajiquistão, que depende significativamente do envio de dinheiro por seus cidadãos no exterior.

*Reportagem produzida com auxílio de IA

Fonte: Jovem Pan