25.2 C
Arapiraca
Domingo, 23 Junho, 2024

Ativistas sul-coreanos enviam balões com K-pop, doramas e dólares para Coreia do Norte

Ativistas sul-coreanos lançaram balões com folhetos, músicas K-pop e doramas em direção à Coreia do Norte como forma de retaliação após o governo norte-coreano enviar balões carregados de lixo para a Coreia do Sul. O grupo liderado por Park Sang-hak enviou 10 balões contendo 200 mil folhetos anti-Pyongyang, pendrives com músicas de K-pop, doramas e cédulas de um dólar a partir de uma cidade na fronteira entre os países.

Os lançamentos de balões têm gerado tensões entre as duas nações, levando a Coreia do Sul a suspender um acordo intercoreano assinado em 2018 para diminuir os conflitos. A suspensão permanecerá em vigor até que a confiança mútua seja restabelecida, permitindo que a Coreia do Sul retome exercícios militares e envie folhetos anti-Pyongyang perto das fronteiras.

O presidente sul-coreano, Yoon Suk Yeol, afirmou que o governo não irá ignorar as ameaças da Coreia do Norte e manterá uma postura de prontidão para responder às provocações de forma resoluta. Analistas acreditam que as ações dos ativistas sul-coreanos podem enfurecer ainda mais a Coreia do Norte e levá-la a tomar medidas militares em resposta.

Em uma demonstração de força, os Estados Unidos realizaram um exercício com um bombardeiro B-1B sobre a Península Coreana em parceria com a Coreia do Sul. A Coreia do Norte considerou a presença do bombardeiro uma prova de hostilidade dos EUA e respondeu com testes de mísseis. Essa ação é vista como uma tentativa norte-coreana de expandir seu arsenal nuclear e obter concessões externas quando a diplomacia for retomada com os Estados Unidos.

*Reportagem produzida com auxílio de IA

Fonte: Jovem Pan