sexta-feira, 14 maio, 2021
InícioBrasilCasal de idosos descobre que neto planejou assalto em que eles foram...

Casal de idosos descobre que neto planejou assalto em que eles foram feitos reféns

Segundo ela, homens invadiram a casa da família, os ameaçaram de morte e levaram R$ 10 mil. De acordo com a polícia, adolescente receberia R$ 1 mil por passar informações sobre os avós

Um casal de idosos teve a casa assaltada em Itaberaí, a 100 km de Goiânia, e foi feito refém por cerca de duas horas. Após registrar ocorrência, os aposentados descobriram que um neto havia participado do crime, dando dicas para os assaltantes sobre como realizar o roubo. O crime ocorreu na quinta-feira (15/04). No momento em que os assaltantes chegaram, os idosos estavam com um bisneto, de 12 anos.

“Nós ficamos péssimos, muito decepcionados. Eu ainda estou muito assustada. Muito chocada. Até agora a ficha não caiu. Só de lembrar, eu começo a chorar”, disse a idosa.

Os nomes dos suspeitos não foram divulgados. Por isso, o G1 não conseguiu localizar a defesa deles para que se posicionassem sobre o caso. À polícia, o neto do casal confessou ter participado do crime.

O casal relatou que dois assaltantes entraram pela porta da frente e colocaram a mulher dentro do banheiro. A idosa contou que tentou correr, mas um dos homens a segurou. Eles fugiram levando a quantia de R$ 10 mil e algumas peças de roupa.

Segundo as vítimas, os homens estavam usando capacetes e fizeram ameaças com faca, além de terem enforcado o idoso.

“Eu só coloquei a minha vida nas mãos de Deus. Fiquei com muito medo de morrer. Eles falaram o tempo todo que, se eu não falasse onde estava o dinheiro, eles iam me matar”, relembrou a idosa.

Bisneto reconheceu o assaltante

Ao denunciar o caso na Polícia Militar, os idosos afirmaram que o neto poderia estar envolvido, pois, no momento do assalto, o bisneto reconheceu um dos amigos dele que frequentava a casa. No celular do neto, os policiais encontraram uma conversa suspeita com outro homem, que foi reconhecido como coautor do assalto e foi preso tentando fugir.

Os outros dois suspeitos, incluindo o neto das vítimas, são menores de idade e foram apreendidos pela polícia e, em seguida, todos foram encaminhados para a Polícia Civil. Parte do dinheiro e as roupas foram recuperadas.

O G1 entrou em contato com a Polícia Civil para saber o que os suspeitos alegaram em depoimento, mas não houve retorno até a última atualização da matéria.

spot_img

ÚLTIMAS NOTÍCIAS