25.7 C
Arapiraca
Quinta-feira, 20 Junho, 2024

Caso intrigante: Homem é assassinado em Jundiá e vítima é o quarto companheiro de jovem assassinado

A Polícia Civil, por meio do 111º Distrito Policial, sob o comando do delegado Paulo Cerqueira, instaurou inquérito para investigar o assassinato de Clebson Bomfim dos Santos, 21 anos, morto em via pública, na madrugada dessa quinta-feira (06), no Conjunto João Rufino, Zona Urbana do município de Jundiá, na zona da mata alagoana. A vítima estava em um relacionamento a pouco tempo e este seria o quarto companheiro da jovem que foi assassinado.

De acordo com as primeiras informações obtidas pela equipe policial, no momento do crime, a vítima estava conversando com um colega no ponto de ônibus, quando dois homens passaram e, fazendo uso de arma de fogo, anunciaram um assalto. As vítimas foram obrigadas a deitar no chão e o assassino disparou na cabeça de Clebson Bomfim.

Segundo o relato da outra vítima, após o disparo que ceifou a vida de Clebson, a arma do assassino não mais funcionou (pinou) e ele conseguiu fugir.

Familiares compareceram ao local do crime e não sabem atribuir quem teria cometido o assassinato, pois só foi constatada a ausência do celular de Clebson. Afirmaram que ele era usuário de drogas, mas que não tinha dívidas.

Um fato interessante nesse trágico caso é que Clebson estava em um relacionamento amoroso recente com uma jovem de 19 anos. Está jovem inclusive informou para polícia que a vítima era o quarto companheiro dela assassinado. O penúltimo, há menos de um ano, em Porto Calvo.

O delegado Paulo Cerqueira informou que a Polícia Civil está empenhada em esclarecer os detalhes desse crime brutal e garantir que os responsáveis sejam devidamente identificados e punidos. Solicita também a comunidade que, sabendo de alguma informação, repasse para polícia através do número 181, o Disque Denúncia.