27/09/2019 às 06h47min - Atualizada em 27/09/2019 às 06h47min

Conan, o Bárbaro

Indicação de leitura

césar de aquino

Reprodução Internet
Se existe um personagem que merece voltar para as bancas é Conan, o Bárbaro.

Conan é um personagem de Robert E. Howard que foi criado em 1932 e apareceu pela primeira vez na revista Pulp Weird Tales, em 1934. Como muitos personagens famosos de Howard Conan, quem teve mais destaque foi Cimério, ele apareceu nas editoras Marvel Comics e Dark Horse e agora seus direitos estão novamente nas mãos da Marvel.

Esse ano de 2019 o Bárbaro voltou pra bancas com algumas publicações a Panini está relançando a coleção a espada selvagem de Conan em capa dura com papel especial e em 73 números, é uma chance de quem não conhece o herói, passar a conhecer.

Quando o concebeu o personagem Howard estava escrevendo histórias de fantasia como a maioria dos fans do gênero sabem Howard é o criador do gênero espada e feitiçaria seus contos foram seguidos anos depois por J.R.R. Tolkien, Clive Staples Lewis e J. K. Rowling. Então quase tudo que a cultura pop tem de histórias de bruxos e guerreiros é mérito inicial de Robert E. Howard.

O Conan tem também a única publicação brasileira de seus contos na íntegra do jeito que foi escrito por Howard, na coleção de três livros lançados pela editora Pipoca e Nanquim (vocês podem achar os livros na amazon e em outros sites on line). Eu, particularmente, amo o personagem porque foi o meu primeiro contato com uma hq que tive.

Conan é um personagem muito complexo e suas aventuras são de tirar o fôlego! Para quem nunca leu uma aventura dele, corra para a banca mais próxima de sua cidade ou procure na internet, ou mesmo assista as adaptações dele para o cinema, a mais bem-sucedida é com o ator Arnold Schwarzenegger.

Vida longa ao Bárbaro, por Crom!

Relacionadas »
Comentários »