16/07/2020 às 09h02min - Atualizada em 16/07/2020 às 08h59min

Mauricio de Souza

O maior quadrinista brasileiro

César de Aquino
Foto: Reprodução
A maior lembrança de quadrinhos na infância de muitos leitores brasileiros está a Turma da Mônica, criação de Maurício de Souza, o nosso Stan Lee brasileiro.
 
É muito difícil você enquanto editor e envolvido nesse mundo dos quadrinhos manter um produto por tantos anos, todos os meses nas bancas.
 
Assim é a Turma da Mônica, que tem na atualidade publicação pra todas as idades, com uma força absurda de popularidade. E isso se deve a imagem de Maurício de Souza, que com sua simplicidade conquistou todo o mercado nacional, e o que seria de nós leitores se não fosse a Mônica, Cebolinha, Cascão, Chico Bento, Magali e toda a turma.

A nostalgia de vê os quadrinhos ainda com os traços iniciais de cartunista de Maurício, os desenhos animados que saíram nos anos 80, a evolução de suas aventuras com histórias adultas agora, mas não esquecendo a sua origem, suas raízes. Conhecer a MSP (Maurício de Souza Produções) é um mundo dos sonhos para a maioria dos leitores de quadrinhos no Brasil.
 
É maravilhoso saber que esse senhor de 84 anos está entre nós, proporcionando as nossas mais inocentes lembranças, é de arrepiar saber que uma coisa tão simples formou nosso caráter, nos deu pensamentos de como hoje somos, nossas atitudes na sociedade.
 
Não é exagero falar que as Hqs nos moldaram, e muito antes de conhecer heróis da Marvel e DC Comics, nós tivemos mesmo que breve a introdução das revistas da Mônica, muito obrigado ao grande Maurício de Souza. Que você tenha toda a saúde do mundo pra continuar a nos fazer sonhar cada vez mais, amamos você.
Relacionadas »
Comentários »