22.6 C
Arapiraca
Segunda-feira, 22 Abril, 2024

Homem é preso em Campo Alegre após agredir companheira com socos

Um jovem de 19 anos foi preso após agredir a companheira, de 20 anos, com socos na cabeça, rosto e em outras partes do corpo, após uma discussão entre eles. As agressões aconteceram na residência do casal. A Polícia Civil, por meio do 75º Distrito Policial (75º DP), sob o comando do delegado Bruno Emílio, lavrou nessa quarta-feira (21), o Auto de Prisão em Flagrantepor lesão corporal dolosa – violência doméstica (Lei Maria da Penha), praticada contra sua companheira. A agressão aconteceu no município de Campo Alegre, Agreste de Alagoas.

Segundo informações registradas, a guarnição da PM foi acionada pela Patrulha Maria da Penha, da Secretaria da Mulher de Campo Alegre, para dar apoio a uma ocorrência de violência doméstica no centro da cidade. Chegando ao local, os policiais constataram que a vítima tinha sido agredida fisicamente e foi dada voz de prisão ao agressor.

Em depoimento, a vítima afirmou ter sido agredida pelo seu companheiro, o qual sempre fica agressivo e violento quando ingere bebida alcóolica e usa droga. Porém, no dia do fato, ele não tinha usado nenhuma substância entorpecente e, mesmo assim, sem qualquer motivo lhe agrediu com vários socos, bem como apertou o seu pescoço.

Ela também disse que essa não foi a primeira vez que sofreu agressão, mas apenas desta vez teve coragem de denunciá-lo, porque não suporta mais ser agredida frequentemente. Eles estão juntos há três anos e têm um filho.

Em seu relato, o agressor disse que é verdadeira a acusação feita por sua companheira, pois houve uma discussão entre eles motivada pelos ciúmes da vítima, que ela não gosta quando ele bebe com uma amiga dela e que, durante a discussão, a vítima pegou um cabo de vassoura para bater nele, então na tentativa de se defender usou de força, machucando sua companheira.

Diante dos fatos, o delegado Bruno Emílio autuou em flagrante o agressor, que se encontra no Centro Integrado de Segurança Pública (Cisp) de Campo Alegre, sob custódio da Polícia Civil e à disposição da Justiça.