sexta-feira, 14 maio, 2021
InícioFamosos e EntretenimentoJustiça condena empresa por não cumprir show de Gusttavo Lima

Justiça condena empresa por não cumprir show de Gusttavo Lima

A Justiça decidiu que a empresa Áudio Mix foi inadimplente no contrato

A produtora Áudio Mix, famosa por agenciar grandes nomes como Alok e Luan Santana, está passando por problemas com a Justiça do Estado de Goiás, segundo a coluna da Fábia Oliveira.

O produtor de eventos Alaylsson Abdon Nobre contratou, em 2010, um show de Gusttavo Lima com a Áudio Mix, que foi marcado para o dia 19 de setembro (19/09), porém a produtora cancelou unilateralmente o evento no dia 24 de agosto (19/08), afirmando inadimplemento do contratante.

O processo diz que o evento pretendia reunir aproximadamente 8,5 mil pessoas, e 7 mil delas pagariam por ingresso de pista, no valor de R$ 25 cada. O restante seria vendido como VIP por R$ 60 cada. O empresário afirma que investiu pesado em divulgação, porém o evento não aconteceu.

A Áudio Mix e seu dono, Marcos Araújo, afirmam que não existe prova documental que comprove o que o produtor está dizendo, porém a Justiça afirma que os depoimentos de testemunhas que frequentavam os shows organizados pelo produtor servem como prova. Uma delas diz que o evento foi divulgado até para cidades vizinhas.

A Justiça decidiu que a empresa Áudio Mix foi inadimplente no contrato, e a condenou a devolver um depósito de R$ 8 mil a Alaylsson, além de uma condenação no valor de R$ 25 mil por prejuízos de lucros cessantes, uma de R$ 15 mil por danos emergentes, uma de R$ 22 mil por danos morais, uma de R$ 25 mil por descumprimento contratual e 13% de honorários advocatícios.

spot_img

ÚLTIMAS NOTÍCIAS