sexta-feira, 12 agosto, 2022
HomeDestaquesMulher morre após colocar silicone nas nádegas em procedimento estético clandestino, em...

Mulher morre após colocar silicone nas nádegas em procedimento estético clandestino, em Maceió

A vítima ficou sabendo do procedimento estético ao ver o anúncio na internet, e negociou a aplicação do silicone por aproximadamente R$ 4 mil

Uma mulher, identificada como Suzana Thaís Ferreira da Silvade 33 anos, morreu, no domingo (31/01), após colocar implantes de silicone nas nádegas fora de ambiente hospitalar, em um resort localizado no Litoral Norte da capital alagoana. A polícia já identificou a suspeita de aplicar a substância. A vítima ficou sabendo do procedimento estético ao ver o anúncio na internet, e negociou a aplicação do silicone por aproximadamente R$ 4 mil.

De acordo com o delegado Robervaldo Davino, em entrevista à Rádio Pajuçara FM Maceió, a vítima passou mal ao chegar em casa, em Chã da Jaqueira, horas depois de realizar o procedimento clandestino, no sábado (30/01).

A mulher foi internada no Hospital Geral do Estado (HGE), mas morreu na madrugada do domingo.

O delegado afirmou que o exame do IML confirmou que ela morreu em virtude do produto que foi injetado nela. “Nós ainda estamos trabalhando para identificar qual substância foi usada na mulher”, acrescentou.

O delegado confirmou também que a mulher foi identificada como Marisângela, e deixou o resort um dia depois de atender Suzana Thaís.

“Ouvimos o marido da Suzana e fomos ao resort onde foi aplicado o produto. Nós fomos informados pela equipe do resort que a mulher saiu do local às pressas no domingo, entendemos que ela soube da morte da mulher e fugiu. O dono do resort passou todos os detalhes de como era o comportamento dessa mulher”, disse.
“Já estamos sabendo que ela vai para outras cidades, para outros Estados, para aplicar o produto. Sabemos de tudo dela, sobre a conta bancária, o endereço da clínica na Bahia…. O caso está esclarecido”, continuou Davino.

O HGE informou, por meio de nota, que a paciente Suzana morreu às 2h30 do domingo. De acordo com o comunicado, a mulher foi admitida no dia anterior, às 23h14, com suspeita de embolia pulmonar e sepse, sendo assistida pela equipe multidisciplinar da Área Amarela.

spot_img

ÚLTIMAS NOTÍCIAS