02/12/2019 às 14h10min - Atualizada em 02/12/2019 às 14h10min

Umidade relativa do ar está em níveis preocupantes no Agreste, Sertão e Baixo São Francisco de Alagoas

Semarh informou que índice chega a menos de 20%, quando o ideal é entre 50% e 80%

Da Redação
Jonatas Pedro - NN1
A Secretaria do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos de Alagoas (Semarh) emitiu um aviso meteorológico nesta segunda (02/12), especialmente dedicado às regiões do Agreste, Sertão e Baixo São Francisco de Alagoas. O comunicado diz respeito à umidade relativa do ar para os próximos dias.
 
De acordo com a nota, as regiões citadas terão índices de umidade relativa do ar abaixo de 20%, caracterizando a situação como preocupante à saúde. O ideal, segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), é que ela varie entre 50% e 80%.
 
Confira o aviso meteorológico da Semarh nesta segunda (02/12): 

A presença de um sistema de Alta Pressão em médios e altos níveis da atmosfera forma um sistema de bloqueio atmosférico, impedindo a formação de nebulosidade e reduzindo consideravelmente os índices de umidade relativa do ar sobre o estado de Alagoas, fazendo com que a umidade relativa mínima atinja valores abaixo de 20% nas regiões ambientais do Sertão, Sertão do São Francisco e Agreste de Alagoas. Nas outras regiões do estado, a influência do Oceano Atlântico ameniza as condições de baixa umidade relativa do ar.
 
Ressalta-se a necessidade de atenção especial as atividades ao ar livre, especialmente nos horários de pico de radiação solar (10h às 16h) e o aumento do risco de ocorrência de queimadas nas regiões ambientais citadas acima.
 
A Sala de Alerta está monitorando as condições sinóticas e novas atualizações poderão ser enviadas a qualquer momento.
 

Sala de Alerta - Rede de Monitoramento Hidrometeorológico de Alagoas - SEMARH / Agência Nacional de Águas – ANA

 
 
Cuidados
 
Quando a umidade relativa do ar cai, as vias respiratórias trabalham com mais esforço e as defesas do corpo diminuem, fazendo com que se fique mais vulnerável a viroses, infecções, e alergias, por exemplo. Alguns cuidados são necessários, como:
- Ingerir mais água que o normal (200 ml a cada duas horas é ideal);
- Toalhas úmidas e recipientes com água nos ambientes próximos;
- Lavar os olhos e narinas com soro fisiológico;
- Hidratantes corporais e labiais;
- Evitar fazer exercícios físicos entre 10 e 16h.
Notícias Relacionadas »
Comentários »