02/06/2020 às 10h24min - Atualizada em 02/06/2020 às 10h24min

Prefeitura de Arapiraca monitora quase 8 mil famílias com plataforma digital

Objetivo é oferecer uma assistência da prefeitura, evitando o deslocamento até unidades de saúde

Da Redação - com Assessoria
Foto: Reprodução
Desde o mês de abril, quando a Prefeitura de Arapiraca, através da Secretaria Municipal de Saúde, lançou uma plataforma inédita no Brasil para acompanhar a saúde da população, pelo celular, através de SMS, já registrou o monitoramento de 7 mil 940 famílias. Desse total, 228 notificações de casos suspeitos de Covid-19 encaminhados para atendimento médico.

A plataforma integra a Central Unificada de Monitoramento da Prefeitura, “Saúde em Casa”, que tem o objetivo de oferecer uma assistência da prefeitura, de forma mais segura, evitando o deslocamento da população a unidades de saúde.

Como funciona

Os agentes de saúde visitam a casa da população, entram em contato por telefone ou redes sociais, solicitam o seu telefone e e-mail (se tiver), e informam que serão acompanhados de forma segura em suas casas, por meio de mensagens pelo seu celular.

A população também participa através do cadastro pelo SMS 27920, com a palavra ARAPIRACA. A estratégia da plataforma ainda contribui com o isolamento social, evitando aglomeração de pessoas nos serviços de saúde, onde já apresentam alta demanda de pacientes com síndromes gripais.

A partir do cadastro, os usuários recebem mensagens, perguntas e orientações. Em caso de sintomas de coronavírus, enfermeiras e equipe de saúde é avisada eletronicamente e entra em ação, com atendimento direcionado.

“O número de quase 8 mil cadastros indica que a prefeitura está na casa desse número de famílias. E, através dessa ferramenta digital, promove busca ativa, monitoramento e engajamento, acompanhando as pessoas em seus lares, a partir de triagem permanente de sintomas suspeitos. Dessa forma, também apoiamos o isolamento social, realizando educação em saúde focada no combate ao COVID19 e também no monitoramento da saúde mental da população”, afirmou Glifson Magalhães, secretário de Saúde.

De acordo com o prefeito Rogério Teófilo, o objetivo desse e de todo o trabalho que vem sendo realizado no município é cuidar da população. “O novo formato de acompanhamento das famílias, além de trazer segurança no monitoramento, permite estar próximo à população, dentro de suas casas. E também deve reduzir a exposição diária dos profissionais de saúde. Dessa forma, cuidamos dos arapiraquenses e contribuímos para o menor crescimento da curva de pessoas infectadas pelo coronavírus”, destacou o prefeito Rogério Teófilo.
Notícias Relacionadas »
Comentários »