24.4 C
Arapiraca
Terça-feira, 23 Abril, 2024

Por acusações de manipulação no Brasileirão, senador Kajuru pede que Textor, do Botafogo, seja investigado pela PF

O senador Jorge Kajuru (PSB-GO) enviou à Polícia Federal (PF) um ofício com pedido de investigação sobre o empresário John Textor, dono da SAF do Botafogo, após o norte-americano voltar a falar que teria provas – sem apresentá-las – de manipulação de resultados em jogos do Brasileirão. Segundo Kajuru, ele deve presidir a CPI da Manipulação dos Jogos de Futebol, prevista para começar ainda em abril e com Romário (PL-RJ) como relator, e pretende. “Se (as denúncias) forem verdadeiras, ele tem que ser aplaudido, respeitado e ter uma estátua. Mas se forem mentirosas, ele tem que ser banido do Brasil, preso e nunca mais entrar no País”, declarou o senador.

Em entrevista à TV Senado, Kajuru reclamou que Textor teria feito “uma denúncia gravíssima dizendo que tem a gravação de um árbitro cobrando a propina prometida, só que ele não quer apresentar o áudio”. O senador afirmou que o dono da SAF do Botafogo foi convocado pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) e, caso não apresente provas das acusações, ele sofrerá consequências esportivas e cíveis. “Se ele for condenado, vai tomar uma suspensão de, no mínimo, 120 dias, ter que sair do Brasil, não poder assinar mais nada pelo Botafogo nem comparecer aos estádios, se ele não apresentar o que tem”, afirmou Kajuru.

Fonte: Jovem Pan