22.6 C
Arapiraca
Segunda-feira, 22 Abril, 2024

Professor suspeito de estuprar duas alunas é preso em Canapi

Um homem de 37 anos, professor em uma escola municipal de Canapi, Sertão de Alagoas, foi preso nessa quinta-feira (22) sob a acusação de estupro de vulnerável, praticado contra duas ex-alunas. O homem é apontado por uma de suas supostas vítimas, uma adolescente, de 16 anos, que alega ter sido violentada após ser dopada com substâncias químicas. A prisão foi realizada através de uma ação comandada pelo delegado Daniel Mayer e a equipe do 30° Distrito Policial (30°DP) de Canapi.

O primeiro crime teria ocorrido em maio de 2023, quando a vítima foi arrastada para um terreno escuro e densamente vegetado, onde identificou seu agressor. A criança, coagida a manter silêncio, enfrentou ameaças constantes do suspeito, vivendo com o receio de revelar o ocorrido por um longo período, já que o abusador, além de professor, tinha parentesco familiar com a vítima.

A coragem para denunciar só surgiu em janeiro de 2024, quando a vítima, através de comentários, tomou conhecimento de que outra criança, de apenas 11 anos, da mesma escola teria sido supostamente assediada pelo mesmo homem, resultando no afastamento do professor de suas atividades na instituição.

A primeira vítima teve seu caso devidamente investigado, culminando na decretação da prisão preventiva do suposto estuprador. O segundo caso, envolvendo a segunda criança, ainda está em fase de investigação pelas autoridades policiais.

As meninas que foram alunas do professor na escola municipal de Canapi, disseram que foram assediadas pessoalmente e também por mensagens.

O abusador foi preso na cidade de Piranhas, onde estava na residência de seu pai.