24.4 C
Arapiraca
Terça-feira, 23 Abril, 2024

Santos vence Bragantino por 3 a 1 e está de volta à final do Paulista após oito anos

O Santos venceu o Bragantino por 3 a 1 nesta quarta-feira (27) e volta à final do Campeonato Paulista após oito anos. O time da Vila agora espera o vencedor de Palmeiras e Novorizontino para saber quem será o seu adversário. As equipes se enfrentam nesta quinta-feira (28), no Allianz Parque.

A decisão do campeonato será realizada em dois jogos. O Santos foi melhor no jogo. No primeiro tempo da partida, sua pressão logo desencadeou no seu primeiro gol, aos 7 minutos. Após uma cobrança de escanteio de Guilherme, Joaquim subiu entre os dois jogadores do Bragantino e estufou a rende. O time do interior, que até então estava apagado no jogo e não conseguia criar, sentiu o gol e foi para cima, mas não criou nenhuma chance que fosse efetiva para empatar a partida.

A aposta da equipe era chutar de fora da área, e alguns dos chutes passaram perto do gol, mas sem grandes sufoco. Susto mesmo quem levou foram os torcedores do Bragantino, que, aos 19 minutos, viram o Giuliano ficar próximo de marcar o segundo do peixe após a bola cair nos seus pés do jogador depois de uma espalmada de Cleiton, goleiro do time de Bragança. Por sorte, a bola bateu no pé de Matheus Fernandes e evitou o que seria o segundo gol santista.

A partida seguiu com os dois times tentando marcar, o time da vila com as melhores oportunidades. Aos 45 minutos, uma bela jogada do Santos desencadeou no segundo gol. Pituca começou a jogada, encontrou Pedrinho que sem demora cruzou para Guilherme que pegou de primeira e ampliou o placar: 2 a 0 Santos. O Bragantino mexeu para a segunda etapa. Tirou Vitinho e Matheus Fernandes, e colocou Henry Mosqueira e Tiago Borba. A mexida deu uma movimentada no time de Bragança, que começou mais ofensivo e ocupando mais a área do Santos, algo que pouco se viu no primeiro tempo. A insistência fez efeito. Aos 6 minutos, Eduardo Sasha, que em alguns momentos foi vaiado pela torcida santista, acertou um belo chute de fora da área e diminuiu a vantagem santista, recolocando o Bragantino no jogo.

O gol esquentou o jogo e houve alguns momentos de tensão e desentendimento. Mas quem se saiu melhor, mais uma vez, foi o Santos. Giuliano, após mais uma assistência de Pedrinho, recebeu a bola na área e de cabeça enfiou para o fundo do gol, fazendo o terceiro do time da vila. Dali para frente foi só administrar o jogo. Mesmo com um a menos – Hyner foi expulso nos minutos finais do jogo – o Santos não deu chance para o Bragantino jogar. A equipe de Bragança não conseguia criar e nem chegar a área adversária. Com domínio do jogo, o time da Vila que vem de um 2023 de tristeza e derrotas, se fortalece e volta a disputar uma final de campeonato.

Fonte: Jovem Pan